Menstruação depois da gravidez: o que esperar?

Nos últimos meses, seu ciclo menstrual esteve em hiato. Quando ele voltar, você deve estar preparada para algumas mudanças.

É claro que a maior recompensa da gravidez será o novo bebê, mas, se você for como muitas outras gestantes, ficará muito feliz com o fato de a sua menstruação tirar longas férias nesse período. Mas quando ela vai voltar, e voltará diferente? Nós respondemos algumas das questões mais comuns sobre a menstruação depois da gravidez, olha só:

Quando deve acontecer minha primeira menstruação depois da gravidez?

O fator que mais influencia a sua primeira menstruação pós-parto é a amamentação. A prolactina, hormônio responsável pela produção do leite materno, impede a ovulação. Mulheres que não amamentam normalmente têm a primeira menstruação após a gravidez entre quatro e oito semanas depois do parto. Já para as mulheres que amamentam também com a mamadeira, a menstruação pode demorar semanas ou até meses para voltar. Mulheres que exclusivamente amamentam têm uma folga ainda maior de suas menstruações: é normal não menstruar por seis meses ou mais. Além disso, muitas mamães não voltam a menstruar até pararem de amamentar.

Posso engravidar antes de a menstruação voltar?

Algumas mulheres descobrem do jeito mais difícil que não menstruar não significa que não existem riscos de gravidez. Tenha em mente que a ovulação acontece antes da menstruação; uma vez que você ovula, você está fértil, então é possível engravidar mesmo se ainda não tiver menstruado após o parto. Isso vale para mamães que amamentam também: muitas veem a amamentação como uma forma de contracepção, mas isso não é recomendado. Sempre use um método de prevenção. Converse com seu médico sobre quais métodos são os melhores para você, já que alguns não são recomendados para mães que amamentam: anticoncepcionais com estrogênio, por exemplo, podem interferir na produção de leite materno.

Minha menstruação vai ser a mesma de antes?

Sua menstruação pode mudar um pouco, muito ou nem um pouco. Ela pode ser mais curta, mais longa, com um fluxo mais intenso ou mais leve, ou seu ciclo pode ser diferente. Também é possível que existam mudanças na intensidade das cólicas menstruais. Isso acontece porque seu útero cresce durante a gravidez e diminui depois do parto (mesmo que permaneça levemente maior). O endométrio precisa se remodelar enquanto passa por todas essas mudanças. Esse processo acontece em toda gravidez, então você pode perceber mudanças na sua menstruação depois de cada bebê. Isso também pode se intensificar depois do parto se você costumava usar métodos contraceptivos hormonais antes de engravidar – como o anticoncepcional e alguns DIUs -, já que eles afinam o endométrio. Se você teve um parto vaginal, absorventes internos podem ter um encaixe diferente, mas, com o tempo, a sensação deve passar.

Minhas menstruações serão irregulares no começo?

Seus hormônios podem demorar para voltar ao normal, ainda mais se você estiver amamentando. Um ciclo pode durar 24 dias, o próximo 28 e o seguinte 35. Essa desregulação deve passar depois de alguns meses ou quando você parar de amamentar.

Como identificar que algo está errado?

É normal que o sangramento e as cólicas se intensifiquem na sua menstruação pós-parto inicial. Mas, se você tiver que trocar seu absorvente de hora em hora ou com mais frequência, fale com seu médico. Isso pode ser um sinal de infecção, mioma ou pólipo. Fale com seu médico para descartar anemia ou disfunções na tireoide caso você tenha algum desses sintomas: menstruação que dura mais que sete dias ou apresenta coágulos maiores que 100g; pular uma menstruação mesmo depois de o ciclo ter recomeçado; escapes entre mesntruações; ou se a menstruação não voltar três meses depois do parto ou três meses depois que você terminar de amamentar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *